fbpx

FUNÇÃO VALOR PRESENTE NO EXCEL

O que é e como calcular

FUNÇÃO VALOR PRESENTE NO EXCEL (VP)

Dando continuidade à nossa série de artigos sobre funções financeiras, mostraremos o que é e como calcular a função Valor Presente no Excel.

A função Valor Presente serve para trazer determinado valor para um momento anterior, normalmente considerado o momento atual. Uma vez que o princípio da matemática financeira seja a do valor do dinheiro no tempo, quando falamos de R$1.000 daqui a 3 anos, queremos dizer que este valor, hoje, é outro.

Para que ele seja trazido para valor presente, precisamos considerar nele uma taxa de juros ou custo de oportunidade.

Imagine que você tenha que pagar uma prestação daqui a 60 dias. É razoável supor que, se você quiser pagar hoje esta prestação, ela será menor, porque sabemos que nela estão incluídos os juros.

A função Valor Presente do Excel faz exatamente isto: desconta do valor a ser pago / recebido o valor destes juros.

Imagine o exemplo da prestação de R$1.000 a ser paga daqui a 60 dias, e que a taxa de juros deste financiamento seja de 1% ao mês (o link da planilha com os exemplos está no final deste artigo).

No mês 2 temos o valor original de R$1.000. No mês 1 ele é de R$990,10, que corresponde ao valor que, corrigido por 1%, daria R$1.000 (multiplique o valor de R$990,10 por (1 + 1%) que dará exatamente os R$1.000.

O valor hoje é o valor do mês 1 considerando a taxa de 1% novamente, o que dá R$980,30 (corrija este valor por (1 + 1%) que você terá os R$990,10.

Mas utilizar este método é trabalhoso. Imagine se tivéssemos 24 meses, ou ainda, se tivéssemos várias prestações e não somente uma.

É por isso que vamos utilizar a função Valor Presente (VP).

Sintaxe da Função Valor Presente (VP)

= VP ( TAXA DE JUROS, QUANTIDADE DE PERÍODOS, VALOR DA PRESTAÇÃO, VALOR FUTURO, INICIO / FIM DE PERÍODO)

Explicando cada argumento:

  • TAXA DE JUROS: É o valor dos juros ou do custo de oportunidade
  • QUANTIDADE DE PERÍODOS: É a quantidade de intervalos naquele fluxo de pagamentos/ recebimentos.
  • VALOR DA PRESTAÇÃO: É o valor dos pagamentos / recebimentos periódicos,
  • VALOR FUTURO: É o valor final, pode ser o de resgate ou um valor residual
  • INICIO / FIM DE PERÍODO: Informe se os pagamentos / recebimentos ocorrem no início do período ou no final do período. O mais comum é no final do período.

Usando nosso exemplo acima, teríamos:

  • TAXA DE JUROS: 1%
  • QUANTIDADE DE PERÍODOS: 2 (a taxa de 1% será aplicada por 2 vezes). Como são 2 meses, então nossa taxa também deve ser informada ao mês.
  • VALOR DA PRESTAÇÃO: 0. Não temos pagamentos / recebimentos mensais, e sim apenas um recebimento final
  • VALOR FUTURO: R$1.000. É o valor que vamos pagar ao final dos 2 meses
  • INICIO / FIM DE PERÍODO: Deixamos em branco ou informamos 0 valor 0; se os fluxos ocorressem no início do período informaríamos o valor 1.

O sinal de menos é porque no fluxo de caixa temos entradas e saídas. Seria como tomar R$980,30 hoje (positivo) e pagar R$1.000 daqui a dois meses (negativo).

Veja que em nosso exemplo tanto faz colocarmos 1 ou nada ao final da função.

Veja este outro exemplo:

Note que aqui colocamos uma taxa de 2,01% e apenas 1 período. Como temos uma taxa de 1% ao mês, então a taxa para 2 meses dá 2,01%, calculada como (1,01 x 1,01) -1. Colocamos então 1 período porque ele corresponde aos 2 meses.

[irp posts=”257″ name=”Cálculo de Juros no Excel”]

Vamos a alguns exemplos de uso da função valor presente

Exemplo 1: Você tem 12 parcelas de R$100 de um empréstimo e quer quitar tudo à vista. A taxa de juros é de 3,5% ao mês:

Exemplo 2: Quanto você deveria aplicar hoje para poder sacar R$50 mil daqui a 3 anos, a uma taxa de 10% ao ano?

Exemplo 3: Você tem um financiamento com 36 parcelas de R$1.250 e mais um valor residual de R$30.000 ao final. A taxa de juros é de 1% ao mês:

Baixe aqui a planilha com os exemplos e Continue acompanhando a série de artigos sobre o tema.

[the_ad_group id=”489″]

Licença Creative Commons

OUTROS ARTIGOS DE INTERESSE

quatro motivos para voce parar de usar o procv

quatro motivos para voce parar de usar o procv

Já são 40 anos de idade O Excel 1.0 foi criado em 1982. São quase 40 anos de existência. Apesar de ter começado minha carreira usando o Excel 5.0 tenho certeza de que a função PROCV existia nela (pelo menos no 5.0 tinha!). Então estamos hoje, no séc. XXI obcecados em...

ler mais
Como utilizar a Função Filtro

Como utilizar a Função Filtro

Certamente você no mínimo já ouviu falar do recurso de FILTRO do Excel. Nele você consegue mostrar somente linhas de uma planilha que atendem a um ou mais critérios. Além disso você poderia usar também o filtro avançado, cuja principal diferença é a possibilidade de...

ler mais

Função PROCX

Como usar a função PROCX Recentemente a Microsoft incluiu uma nova função em seu arsenal de funções de procura a referência, a função PROCX. Além de servir como um substituto para o famoso PROCV, ela também utiliza a nova funcionalidade, que é apresentar a resposta em...

ler mais
Fabio Vianna
Siga-Me
Nossas Redes Sociais
Facebook
Linkedin
Instagram
Youtube