fbpx

Como usar a função PROCX

Recentemente a Microsoft incluiu uma nova função em seu arsenal de funções de procura a referência, a função PROCX.

Além de servir como um substituto para o famoso PROCV, ela também utiliza a nova funcionalidade, que é apresentar a resposta em uma matriz, de forma automática.

Mostrarei a seguir alguns exemplo de uso da função PROCX mas antes disto vamos à pergunta que muitas pessoas tem feito:

“Meu Excel não tem PROCX”

Na verdade esta função está disponível somente para usuários do Office 365. Se você tem uma versão anterior, não vai ter. Então caso você ainda não a tenha, veja a versão do Excel e se ele está atualizado.

Exemplo de uso da função PROCX

Veja o exemplo a seguir (você pode baixar o arquivo pelo link que está ao final desta postagem):

como usar a funcao procx

Tal qual o PROCV, vamos informar o nome de um estado e a função PROCX trará o valor para, por exemplo, o 3º Trimestre de 2019.

Então vamos inserir o nome do estado na célula K5 (você pode fazer uma validação de dados, se quiser).

Neste exemplo vamos inserir o estado de São Paulo.

Na célula L5 vamos inserir a função PROCX usando o assistente de função. Para acioná-lo você pode pressionar as teclas SHIFT + F3 ou ir em FÓRMULAS > INSERIR FUNÇÃO:

como usar a funcao procx

Os argumentos são esses:

Lembrando do que queremos: queremos trazer o valor de desempregados no 3º Trimestre de 2019 no estado de São Paulo.

O argumento Pesquisa_Valor corresponde à ‘chave’ da pesquisa, no nosso caso será o estado de São Paulo (no PROCV é o argumento valor_procurado),

O argumento Pesquisa_Matriz corresponde à matriz onde esteja a lista de itens que serão procurados. É nesta lista onde o argumento Pesquisa_Valor será pesquisado,

O argumento Matriz_retorno corresponde à matriz onde está a lista de valores a serem retornados. No nosso caso, como queremos trazer os valores do 3º Trimestre de 2019, serão os valores daquela coluna,

Se_não_encontrada é novidade também, é o que aparecerá se o que buscarmos não existir. É como se estivéssemos combinando o SEERRO aqui dentro da função,

Modo_Correspondência é similar ao procurar_intervalo do PROCV, mas com novidades. Mais abaixo mostrarei um exemplo deste e

Modo_pesquisa também é novidade, mostrarei como funciona mais abaixo.

Para este nosso primeiro exemplo de uso da função PROCX vamos fazer simples, então nossa função ficará assim:

Perceba que na função PROCX não tem mais esse perrengue de colocar número de coluna, bastando apenas informar qual a coluna desejada (neste caso ele lembra um pouco o CORRESP).

Como a função PROCX trata erros?

Lembra do argumento se_não_encontrada? Então, se colocarmos algum ítem que não existe, ele mostrará a mensagem que indicarmos. Veja:

(se você ficou com saudades do #N/D! do PROCV basta não colocar nada nesse argumento que aparecerá o erro quando não existir um ítem)

 

Como usar caractere curinga com a função PROCX?

Se você usa o SOMASES deve saber que você pode trazer valores baseados em caracteres curingas, por exemplo, somar todos os Estados que comecem com a letra “S”.

Apesar da função PROCX não somar valores, ela agora conta com essa funcionalidade de caractere curinga.

Vamos imaginar que queiramos trazer o valor de desempregados no 3º Trimestre de um estado que comece com a letra “S”. Temos 3: Sergipe, São Paulo e Santa Catarina.

Lembra do argumento Modo_Correspondência? ele permite configurar uma busca por caractere curinga. As opções que ele tem são essas:

A correspondência exata é a mesma que tem no PROCV.

A correspondência exata ou próximo item menor e próximo item maior mostrarei mais para a frente.

A correspondência de caractere curinga é a que usaremos.

Nossa função PROCX agora ficará assim:

Se digitarmos no campo de estado apenas um S* ele mostrará os valores de Sergipe.

Mas por que de Sergipe?

Porque o padrão da função PROCX é trazer de cima para baixo. Para mudar isto vamos para o argumento Modo_pesquisa. É nele onde dizemos de que forma a função PROCX deverá pesquisar os valores.

NOTA IMPORTANTE: Os argumentos que aparecem sem negrito no assistente são argumentos OPCIONAIS, quer dizer que a função PROCX assume para eles valores padrão. O que estamos fazendo é alterando algumas configurações padrão da função PROCX para que tenhamos resultados diferentes.

As opções para o argumento Modo_pesquisa são:

O valor padrão é o primeiro, que vai pesquisar do primeiro para o último e trazer o primeiro que corresponder ao caractere curinga – nesse caso, Sergipe.

Se colocarmos o argumento -1 ele irá de baixo para cima e trará Santa Catarina. Veja:

As opções 2 e -2 só servem em listas ordenadas por valor.

Trazendo mais de um valor

Isto é uma grande novidade no Excel, há varias outras funções que fazem isto, que é trazer o valor em uma matriz.

Imagine que neste exemplo não queiramos trazer somente os valores de desemprego no 3º Trimestre de 2019, mas sim de toda a série histórica.

Vou fazer um pequeno ajuste na planilha para não ficar confuso:

Agora vamos inserir a função PROCX na célula do 1t/2018, deixando-a assim:

A diferença está no argumento Matriz_retorno. Veja que indiquei o intervalo de B5 até H31, isto é, toda a tabela.

Quer dizer que quando ele achar o item que começa com “S”, ele trará todas aquelas colunas indicadas:

(se removermos a opção de caractere curingas ele também funciona, lembrando que daí você rpecisará digitar o nome correto do estado).

 

Buscando valores à esquerda com a função PROCX

Se você usa(va) o PROCV, vai lembrar que ele só funcionava em buscas para a direita. Se o que você precisava estivesse á esquerda, nada feito, você precisaria usar um INDICE com CORRESP para fazer funcionar.

Mas a função PROCX também resolveu este problema. Veja o exemplo a seguir:

Vamos digitar uma sigla para ele trazer o nome do estado.

Veja como fica:

Simples, não?

Buscando valores aproximados usando a função PROCX

Imagine esta tabela de alíquota de impostos:

Vamos digitar o valor do salário e faremos a função PROCX trazer a alíquota correspondente.

Veja como ficará:

No argumento Modo_Correspondência colocamos a opção -1, que é para buscar o valor exato ou o próximo ítem menor.

Isto e, ele vai buscar o valor digitado ou menor.

Mas também dá para fazer na coluna de ATÉ. Veja:

Para tanto, basta alterar o Modo_correspondência para 1, que é o valor exato ou maior.

Deu para perceber que a função PROCX é bem mais poderosa do que a aposentada PROCV.

Para baixar o arquivo que usei nesses exemplos, clique aqui.

 

 

Licença Creative Commons

OUTROS ARTIGOS DE INTERESSE

Como Criar Bullet Chart no Excel

Como Criar Bullet Chart no Excel

O que é um Bullet Chart O Bullet Chart foi criado por Stephen Few por volta de 2005 com o objetivo de ser a solução PROFISISONAL para as aberrações chamadas de Gráficos de Velocímetro. O Bullet Chart e capaz de apresentar de forma mais clara valores e suas relações...

ler mais

Aprenda a fazer um Gráfico Circular no Excel

GRÁFICO CIRCULAR NO EXCEL Neste artigo você aprenderá a fazer um gráfico circular no Excel, que pode ser inserido em apresentações e em infográficos. Ao final do artigo você poderá baixar a planilha com elke Não recomendamos sua inserção em Dashboard pois ele é menos...

ler mais

Limpeza de Dados no Excel – PARTE 1

LIMPEZA DE DADOS NO EXCEL - IMPORTANDO, EXCLUINDO E PROMOVENDO LINHAS Nesta primeira parte da sequência vamos apresentar a ferramenta de PowerQuery (ou Obter e Transformar dados no Excel 2016). No Excel 2010 e 2013 você precisará instalá-lo. Siga as instruções que...

ler mais
Fabio Vianna
Siga-Me
Nossas Redes Sociais
Facebook
Linkedin
Instagram
Youtube