GRÁFICO CIRCULAR NO EXCEL

Use-o em seus infográficos

GRÁFICO CIRCULAR NO EXCEL

Neste artigo você aprenderá a fazer um gráfico circular no Excel, que pode ser inserido em apresentações e em infográficos.

Ao final do artigo você poderá baixar a planilha com elke

Não recomendamos sua inserção em Dashboard pois ele é menos “eye-candy” do que outras alternativas, como por exemplo o gráfico de bullet. Veja como ele funciona:

Basicamente o gráfico circular é um gráfico de rosca com 2 séries de dados: uma série completa (correspondente às fatias e outra série que corresponde ao valor atingido.

Para definirmos as cores recomendo a leitura deste artigo com 9 dicas para usar cores corretamente.

A primeira coisa a fazer é definir qual a esala de valores que iremos utilizar. No exemplo acima estamos utilizando 12 escalas. Você pode usar quantas quiser, desde que não sejam muitas, caso contrário o seu gráfico circular ficará muito “fatiado”.

Como a soma das partes de um gráfico de risco dá sempre 100%, então basta colocarmos o um mesmo valor para a quantidade de escalas.

Em nosso exemplo vamos colocar 12 valores de 1, assim o gráfico terá 12 fatias, cada uma com 1/12 de valor. O segredo é colocar o mesmo número para assegurar que as fatias tenham o mesmo tamanho. Veja:

Reforçando: coloque o mesmo número pela quantidade de categorias que deseja ter em seu gráfico. Abaixo teríamos 20 “fatias”. Veja que usei qualquer valor – se você é fã de ficção científica entenderá de onde saiu este número 🙂

Criando a 1ª parte de nosso gráfico circular: as escalas

Uma vez que já tenhamos definido a quantidade de “fatias”, vamos criar o gráfico circular. Ele tem como base o gráfico de rosca.

Selecione o intervalo de valores (em nosso exemplo será de A1 até A20) e vá em INSERIR > GRÁFICOS e escolha o de ROSCA (clique na imagem para ver maior):

Ele vai mostrar um gráfico bastante tosco…por enquanto.

Agora, clique sobre os pontos do gráfico (as “fatias” coloridas e escolha FORMATAR SÉRIE DE DADOS (se aparecer escrito PONTO você estará formatando somente aquela “fatia”; clique em qualquer célula para sair do gráfico e clique novamente nele para aparecer FORMATAR SÉRIE.

Na tela que abrir, vá no ícone de gráfico e altere a propriedade chamada TAMANHO DO ÂNGULO INTERNO DA ROSCA para 50%. Isto deixará o espaço vazio menor (você pode testar outros valores, mas lembre-se de que aí no meio vamos colocar o valor atingido):

Agora, vamos clicar no ícone da lata de tinta e ir na propriedade PREENCHIMENTO e DESMARQUE a propriedade VARIAR CORES POR FATIA:

Ainda nesta tela vamos na propriedade PREENCHIMENTO, selecionamos PREENCHIMENTO SÓLIDO e uma cor para ele:

Vamos na propriedade BORDA, selecionamos LINHA SÓLIDA, a cor branca e em LARGURA DEIXAMOS EM 0,5 pontos:

Remova as legendas, deixe a área do gráfico mais quadrada e remova o título:

Criando a 2ª parte de nosso gráfico circular: o valor atingido

Agora vamos pensar na parte correspondente ao valor atingido. Lembro que este tipo de gráfico circular não serve para mostrar valores ALÉM da meta e sim O QUE FALTA para chegar lá.

Neste tipo de gráficos a soma dos valores deve dar sempre 100%, mas você não precisa necessariamente ter 2 valores em percentual e sim dois valores cuja soma dê o total da meta / valor desejado.

Imagine que você tenha como meta uma Receita de R$100 mil e já atingiu R$75 mil.

Os valores a serem lançados no gráfico serão R$75 mil e R$25 mil. O “pulo do gato” é que o segundo valor será sempre a diferença do que você obteve para o total desejado.

Em nosso exemplo, para darmos o efeito de mudança nós utilizamos um gerador de números aleatórios.

E como teremos 3 gráficos circulares vamos ter 3 conjuntos de valores diferentes:

Vamos clicar sobre o gráfico criado com o botão direito e selecionar SELECIONAR DADOS:

Na tela que surgir já teremos a Série 1, que corresponde à escala:

Vamos adicionar uma 2º série, composta do valor atingido e que falta chegar à meta. Clique em ADICIONAR, digite alguma coisa em NOME DA SÉRIE e em VALORES DA SÉRIE selecione o intervalo com os 2 valores (em nosso exemplo são as células E2 e E3. IMPORTANTE: fica mais fácil se a primeira célula contiver o valor atingido e a segunda célula o que falta para a meta:

Dê OK e retorno à planilha. Agora precisamos sobrepor o arco de valor atingido com o de escalas. Isto será feito deixando a série de valor atingido como EIXO SECUNDÁRIO. Clique sobre uma das duas séries com o botão direito e escolha ALTERAR TIPO DE GRÁFICO DE SÉRIE (se aparecer somente ALTERAR TIPO DE GRÁFICO refaça clicando sobre uma das séries):

Na tela que surgir, clique na caixa de seleção de EIXO SECUNDÁRIO para a série de valor atingido:

Dê OK. Agora a série de valor atingido ficou sobreposta à série de categorias. Note que nela temos 2 “fatias”, sendo a primeira delas a de valor atingido e a segunda a diferença para o valor desejado. Vamos clicar sobre a segunda fatia por duas vezes (não é o duplo-clique e sim dois cliques sequenciais) e agora vá com o botão direito do mouse para aparecer a opção FORMATAR PONTO:

No ícone da lata de tinta vá em PREENCHIMENTO e selecione em PREENCHIMENTO SÓLIDO a cor BRANCA. Em transparência coloque 25%:

Em BORDA coloque SEM LINHA:

Vamos formatar a fatia do valor atingido. Clique NA FATIA com o botão direito do mouse e vá em FORMATAR PONTO DE DADOS:

Em BORDA,  seleciona a cor BRANCA e LARGURA 0,5 pontos:

Teremos algo assim:

Agora vamos remover o contorno da área do gráfico (botão direito no contorno, vá em FORMATAR ÁREA DO GRÁFICO, BORDA: SME LINHA):

Agora vamos incluir dentro do gráfico o valor atingido.

Vá em INSERIR > CAIXA DE TEXTO e desenhe uma caixa de texto no centro do gráfico:

Clique no contorno da caixa de texto e vá até a barra de fórmulas:

Digite o sinal de igual (=) e clique sobre a célula onde está o valor atingido. Insira uma caixa de texto com o nome do indicador / valor e depois dê enter e formate a caixa de texto:

Daí é só fazer o mesmo para os demais valores:

O arquivo utilizado está aqui.

Licença Creative Commons

OUTROS ARTIGOS DE INTERESSE

Seis perguntas a fazer antes de se criar um Dashboard

SEIS PERGUNTAS A FAZER ANTES DE SE CRIAR UM DASHBOARD Você ou seu gestor pediu para criar um Dashboard. Provavelmente no Excel ou no PowerBI. Este artigo mostrará as 6 perguntas que você deve fazer ANTES de criar um Dashboard - independente de onde ele será feito. Se...

ler mais

Como criar gráfico no Word

COMO CRIAR GRÁFICO NO WORD   Estava esses dias escrevendo uma apostila no Word quando me deparei com uma opção que até então eu não tinha notado, que é a de criar gráfico no word da mesma forma como fazemos no Excel. Há muitos anos precisei criar gráfico no word e...

ler mais
Fabio Vianna
Siga-Me

Fabio Vianna

Modela planilhas deste 1994 e ministra treinamentos desde 1997.
Especialista em Modelagem Profissional de Planilhas, incluindo Dashboards no Excel.
Fabio Vianna
Siga-Me