CÁLCULO DE JUROS NO EXCEL

Aprenda a calcular juros simples e compostos e a utilizar a função TAXA

CÁLCULO DE JUROS NO EXCEL

Uma questão que sempre aparece quando falamos de planejamento financeiro é o cálculo de juros no Excel.

Muitas pessoas ainda têm dificuldade de calcular o valor de juros de dívidas e aplicações. Nem todo mundo possui uma calculadora financeira e muitas vezes ficam em dúvida a respeito deste cálculo.

Importante: neste texto não pretendemos ensinar matemática financeira, e sim como utilizar as funções financeiras do Excel. ui

Basicamente todo cálculo financeiro parte do princípio do valor do dinheiro no tempo, isto é, um recurso hoje vale mais do que amanhã (Se você não concorda, por favor mande mensagem para eu informar minha conta corrente para você me depositar R$100 mil. Prometo que devolvo daqui a 15 anos pagando a inflação).

Dizer que o dinheiro vale mais hoje é porque assumimos que, dispondo deste recurso, seremos capazes de aplicá-lo em algum tipo de ativo que nos dê algum retorno.

Usando um exemplo extremo: imagine que você emprestou R$100 para um amigo, e com isso não conseguiu jogar na mega da virada. Mas saíram os números que você sempre joga. Considerando isto, você deveria cobrar um valor de juros absurdamente alto de seu amigo, já que, se você dispusesse deste dinheiro naquele dia, teria ganho na loteria.

Quando calculamos os juros, estamos basicamente determinando o valor deste retorno (ou custo, se for um empréstimo).

Temos 2 tipo de cálculo de juros: simples e composto.

No cálculo de juros simples o valor dele é calculado diretamente sobre o valor original: se você emprestou aquele R$100 pro seu amigo, e cobrou 1% ao mês por 12 meses, e foram juros simples, então ele deverá pagar 12 x 1% x R$100 de juros, o que daria R$12.

No caso de juros compostos, a cada mês você deveria corrigir o valor pelos juros, isto quer dizer que em cada mês seu amigo deverá corrigir o valor do empréstimo pelos juros daquele mês.

Vamos fazer o cálculo de juros no Excel, imaginando o exemplo dos 12 meses a uma taxa de 12% ao mês: (ao final do artigo tem o link para você baixar a planilha com os exemplos).

Neste exemplo fica fácil de calcular quanto foi o total de juros, já que começamos com R$100,00 e ao final recebemos R$112,68. A diferença entre os valores é de R$12, 68, e a taxa cobrada foi de 12,68% no ano (ao mÊs ela é de 1%): R$12,68 / R$100,00

E como fazer o cálculo de juros no Excel? É o que veremos a seguir.

Cálculo de juros no Excel usando a função TAXA

Vamos imaginar o mesmo exemplo acima para usarmos a função Taxa.

Sua sintaxe é:

=TAXA(QUANTIDADE DE PERÍODOS; VALOR DE CADA PARCELA; VALOR NO MOMENTO INICIAL; VALOR A RECEBER / PAGAR; TIPO DE PAGAMENTO/RECEBIMENTO)

Vamos à explicação de cada uma delas:

QUANTIDADE DE PERÍODOS; É o período de tempo entre o valor inicial e o final. Quando calcularmos a taxa de juros ela será dada por esta unidade de tempo, por exemplo: se usarmos 12 meses, a taxa será ao mês; se for ano, ao ano. Se você não souber a unidade de tempo nós falamos “taxa x ao período”.

VALOR DE CADA PARCELA: Se você fizer pagamentos ou tiver recebimentos mensais, deverá informar o valor. No exemplo acima, não haverá pagamentos mensais; já que você irá receber somente ao final dos 12 meses.

VALOR NO MOMENTO INICIAL (CHAMADO DE VALOR PRESENTE): É o valor que você emprestou / tomou emprestado e que será financiado. Se você adquirir um veículo por R$ 50 mil e der R$20 mil de entrada, então o valor será de R$30 mil, que é somente o que será financiado.

VALOR A RECEBER / PAGAR: É o valor ao final do período, isto é o quanto você irá pagar ou receber ao final do período de tempo deste cálculo. Pense nele como um valor residual, por exemplo. No nosso exemplo será o valor que você deverá receber pelo empréstimo concedido.

TIPO DE PAGAMENTO / RECEBIMENTO; Quando você empresta / toma emprestado você terá duas opções: pagar a 1a parcela à vista ou somente daqui a 30 dias. Este argumento da função é exatamente isto.

Agora vamos fazer o cálculo de juros no Excel. Veja:

No exemplo da linha 16, temos na função TAXA:

  • QUANTIDADE DE PERÍODOS: 12 (meses). Quer dizer que a taxa será calculada AO MÊS.
  • VALOR DE CADA PARCELA:  R$0, já que não teremos pagamentos parciais neste caso.
  • VALOR NO MOMENTO INICIAL: São os R$100.
  • VALOR A RECEBER / PAGAR: São os R$112,68
  • TIPO DE PAGAMENTO /  RECEBIMENTO: Se deixarmos em branco ele vai considerar que os juros serão calculados ao final de cada mês (que é o mais comum).

Neste caso, teremos uma taxa de 1%, o que está certo, pois foi a taxa que utilizamos no exemplo.E a taxa de 12,68% também está correta, pois a calculamos manualmente.

No 2º exemplo, vamos considerar como período 1, isto é, 1 ano, o que dará a taxa de 12,68%.

Nós invertemos o sinal porque estamos considerando uma entrada (positiva) e uma saída (negativo).  A rigor tanto faz onde fica o sinal, desde que exista a troca deles.

Vamos a outros exemplos de cálculo de juros no Excel (o link para o arquivo está ao final do artigo).

Exemplo 1) Você toma emprestado R$1.000 e irá pagar 12 parcelas de R$100, com a primeira parcela daqui a 30 dias e não haverá nenhum valor residual ao final dos 12 meses:

Exemplo 2) Você toma R$1.000 e daqui a 18 meses devolve R$1.250:

Exemplo 3) Você financia um carro no valor de R$50 mil com parcelas de R$1.250 por 36 meses e um valor residual ao final de R$30 mil:

Exemplo 4) Você aplica R$120 por mês por 12 meses para receber R$1.500 depois de 24 meses

Baixe o arquivo com exemplos aqui.

Licença Creative Commons

OUTROS ARTIGOS DE INTERESSE

Como calcular o VPL – Valor Presente Líquido

COMO CALCULAR O VPL O que é o VPL - Valor Presente Líquido Neste artigo você aprenderá a calcular o VPL. Valor Presente líquido é um dos cálculos mais comuns em finanças. Com ele podemos determinar valores de empresas, saber o valor de retorno de um projeto dentre...

ler mais

Função Valor Futuro (VF) no Excel

O QUE É E COMO UTILIZAR A FUNÇÃO VALOR FUTURO (VF) NO EXCEL A função valor futuro, como o próprio nome diz, calcula um determinado valor monetário em uma data futura, aplicando-se uma taxa de juros qualquer. Para fins de exemplo, imagine que você pretenda aplicar...

ler mais
Fabio Vianna
Siga-Me

Fabio Vianna

Modela planilhas deste 1994 e ministra treinamentos desde 1997.
Especialista em Modelagem Profissional de Planilhas, incluindo Dashboards no Excel.
Fabio Vianna
Siga-Me