Modelagem de Planilhas Profissionais de Projeções Financeiras (forecast)

 

Apresentação do curso de Modelagem de Planilhas para Projeções Financeiras

A tarefa de projetar as demonstrações financeiras de uma empresa é de extrema importância, pois é com uma projeção bem feita, em uma ferramenta funcional, permite à Organização tomar decisões corretas acerca de eventos futuros.
Por outro lado, esta tarefa é dominada, em sua totalidade, por pouquíssimos profissionais, o que os torna raros e caros para as empresas.
Muitos outros profissionais dominam parcialmente o processo de projeção, e podemos listar alguns itens dominados parcialmente:
Projeção somente de resultado ou só do fluxo de caixa;
Não existência de cenários alternativos, ou criados de forma “artesanal” no Excel;
Pouco conhecimento de recursos do Excel úteis para as projeções;
Planilhas com pouca funcionalidade para a criação de novos produtos, financiamentos, etc, tornando a tarefa de adaptar a planilha mais demorada do que a análise dos resultados;
Dentre vários outros “gaps”.
O objetivo deste treinamento é oferecer, em primeira mão, e de forma completa, todo o ciclo de montagem e elaboração de uma projeção de demonstração financeira.
Um grande diferencial do curso é que ele será focado tanto no uso correto do Excel como também na teoria de projeções; assim o profissional dominará não somente os conceitos de projeção, mas também a forma de transformá-los em uma ferramenta produtiva, amigável e confiável.

As 4 etapas do treinamento

1ª etapa – Conceitos básicos de projeção (partidas dobradas)
2ª etapa – Modelagem de planilha (detalhando itens de balanço, resultado e fluxo de caixa) e testes.
3ª etapa – Fazendo as projeções completas.
4ª etapa – Fazendo simulações, análise de cenários e de stress.

Objetivos

Capacitar os participantes a:
Construir corretamente planilhas para projeção de demonstrações financeiras (independente para qual fim: valuation, crédito, orçamentos) utilizando as chamadas best practices do Excel;
Projetar corretamente as demonstrações financeiras de uma empresa, sabendo identificar as principais premissas (drivers);
Fazer simulações de cenários, possibilitando a tomada de decisão com uma margem de acerto elevada.

Temário

Observação Importante: todos os conceitos de projeção serão apresentados exclusivamente para a projeção de demonstrações financeiras de empresas (indústria, comércio e serviços) Devido à sua particularidade não abrangeremos no treinamento a projeção de demonstrações financeiras de instituições financeiras.

1. Conceitos Básicos para Projeção

O que é uma projeção
Para que serve a projeção
O método das partidas dobradas (o verdadeiro “coração” das projeções)
As aplicações de uma projeção financeira (crédito, valuation, orçamentos, análise de projetos) e o que esperar de cada uma delas.

2 Método para criação de planilhas profissionais

Apresentação da metodologia utilizada pela Fábrica de Planilhas® em consultorias
Metodologia exclusiva e que maximiza o sucesso de um modelo em Excel
O que não deve faltar em um modelo de projeções.

3. Ferramentas do Excel para a modelagem de planilhas profissionais

Funções

  • Procura e Referência: Procv, Proch, Corresp, Indice, Desloc
  • Data e Hora: Data, Datam, Fimmês, Mes
  • Financeiras: Xvpl, Xtir
  • Matemáticas: Arred, Somases, Somarproduto, Soma, Subtotal
  • Lógicas: Se, E, Ou
  • Texto: Texto
  • Dentre outras

Recursos

  • Validação;
  • Formato Condicional;
  • Agrupamento de Dados;
  • Proteção de células, intervalos, planilhas e pastas;
  • Nomes e Intervalos Nomeados

Macros e VBA

  • Utilizando o gravador de macros.
  • Editando macros gravadas no editor de VBA.
  • Fazendo simulações através de macros
  • Nomes

4. Como projetar as principais contas da demonstração do resultado (criando funções e recursos)

  • Receitas Operacionais;
  • Impostos;
  • Custo dos Produtos vendidos;
  • Despesas fixas;
  • Despesas variáveis;
  • Receita financeira;
  • Despesa Financeira;
  • Receitas não operacionais;
  • Impostos sobre o lucro;
  • EBITDA

5. Como projetar as principais contas do balanço patrimonial (criando funções e recursos)

  • Aplicações Financeiras;
  • Contas a receber;
  • Estoques;
  • Ativo permanente;
  • Depreciação;
  • Contas a pagar;
  • Financiamentos de curto prazo;
  • Financiamentos de longo prazo;
  • Outras contas ativas e passivas;
  • Patrimônio líquido.

6. Como projetar as principais contas do fluxo de caixa (criando funções e recursos)

  • Entradas operacionais;
  • Variação na necessidade de capital de giro;
  • Investimentos (CAPEX e OPEX);
  • Saídas operacionais;
  • Fluxo de caixa operacional;
  • Captação e amortização de empréstimos;
  • Fluxo de caixa do acionista

7. Testando o modelo

Que testes fazer
Ferramentas do Excel para e identificação / busca de erros

8. Fazendo as Projeções

Introdução

  • A importância de uma boa projeção financeira;
  • Como definir um horizonte de projeção;
  • Como definir a periodicidade.

Definindo corretamente as premissas de projeção para os itens de

Demonstração do Resultado

  • Receitas Operacionais
  • Impostos
  • Custo dos Produtos vendidos
  • Despesas fixas
  • Despesas variáveis
  • Receita financeira
  • Despesa Financeira
  • Receitas não operacionais
  • Impostos sobre o lucro
  • EBITDA

Balanço Patrimonial

  • Aplicações Financeiras
  • Contas a receber
  • Estoques
  • Ativo permanente
  • Depreciação
  • Contas a pagar
  • Financiamentos de curto prazo
  • Financiamentos de longo prazo
  • Outras contas ativas e passivas
  • Patrimônio líquido.

Fluxo de Caixa

  • Entradas operacionais
  • Variação na necessidade de capital de giro
  • Investimentos
  • Saídas operacionais
  • Fluxo de caixa operacional
  • Captação e amortização de empréstimos
  • Fluxo de caixa do acionista.

Revisando as projeções

Técnicas para revisar projeções e identificar erros de digitação / conceito
Como saber se uma projeção está bem feita?

9. Fazendo cenários e simulações

A importância de se fazer cenários e simulações

Identificando premissas críticas (drivers)

  • Como identificar as principais premissas que influenciam na formação do caixa e do lucro da empresa.
  • Utilizando recursos do Excel para identificar e quantificar as relações de causa-efeito.

Como fazer uma análise de sensibilidade

  • Usando os drivers e fazendo simulações what-if.
  • Apresentando recursos do Excel para simulações what-if.

Como criar cenários (mexendo em 2 ou mais variáveis simultaneamente)

  • A importância da simulação de cenários
  • Apresentando recursos avançados do Excel
  • Fazendo simulações de Stress
  • Calculando o “limite” da empresa: até onde ela pode chegar
  • Que números utilizar

Carga Horária

32 horas

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE